Tendências e pendências do trabalho em 2024

Começo de ano, todo mundo preocupado com as tendências do consumo, tecnológicas, varejo, inteligência artificial. Neste ano, caiu a ficha para mim da maior pendência de todas. Resolvi falar sobre onde começa tudo isso. Ou com quem. Alguém que se dispõe a acordar todos os dias, e faz as tendências se tornarem realidade.

Entender e compartilhar como vai evoluir o compromisso das organizações de qualquer ramo e tamanho com quem trabalha nelas me pareceu muito importante.

Vamos aos fatos, ops… a previsão dos fatos.

 

 

No nosso ESG, Ecossistema Simbiótico de Gente, para todos conviverem bem e construírem sucesso, consideramos que há condições que a marca tem que prover para merecer Time muito competente. Em contrapartida, há ações que o Time tem que desempenhar para merecer estar nas marcas que merecem. E há ações que todos fazem para merecer que o Cliente queira ficar muito tempo com a marca.

 

Vou começar pela principal tendência sem a qual nenhuma das que virão a seguir tem a menor relevância.

 

Prioridade 0 (Zero)

O fator mais importante para a competência, integração, produtividade, saúde mental e capacidade de inovação do seu Time é a qualidade da liderança. Não à toa a GPTW – Great Place to Work empresa com enorme autoridade na avaliação de clima organizacional – em pesquisa recente, definiu que a maior prioridade de RH em 2024 é capacitação de liderança.

Vou continuar contando para vocês o que uma marca que respeito muito. O Gartner, empresa líder em pesquisa e consultoria mapeou: tendências que moldarão o futuro do trabalho em 2024 e além. Compreender essas tendências é crucial para que empresas e profissionais se preparem para um ambiente de trabalho em constante transformação.

 

1. Semana de Trabalho de Quatro Dias:

A semana de trabalho de quatro dias emerge como uma força disruptiva, com 20% das organizações adotando-a até 2024. A busca por maior flexibilidade impulsiona essa mudança, prometendo benefícios como aumento da produtividade e do bem-estar dos funcionários.

  • Previsão: Adoção por 20% das organizações até 2024, com experimentações em larga escala. Nos Estados Unidos.
  • Impacto: Aumento da flexibilidade, bem-estar e produtividade dos funcionários.
  • Exemplos: Unilever, Microsoft Japão, Salesforce.

Em varejo, se se tornar 5 dias vai ajudar muito a diminuir a rejeição que muita gente tem de trabalhar aí. O Time de varejo tem a vida muito sacrificada e os empreendedores já normalizaram isso há tempos. Muitos funcionários de varejo não sabem há muito tempo o que é um fim de semana sem trabalhar.

Claro que, tanto para essa tendência quanto para a de trabalho híbrido, autodisciplina é fundamental.

 

2. Inteligência Artificial (IA) no Local de Trabalho:

A inteligência artificial (IA) assume um papel central na automação de tarefas repetitivas, liberando os profissionais para atividades mais estratégicas e criativas. O Gartner prevê que 69% das tarefas rotineiras gerenciais serão automatizadas até 2024, abrindo caminho para uma nova era de produtividade.

  • Previsão: Automação de 69% das tarefas rotineiras gerenciais até 2024.
  • Aplicações: Automação de processos, análise de dados, recrutamento, treinamento.
  • Exemplos: Amazon, IBM, PwC.

Ainda são muito incipientes as iniciativas, mas os resultados já são notoriamente positivos. Essa tendência vai evoluir exponencialmente. Fico ansioso para ver como ela estará em 2025.

 

3. Foco em Habilidades acima de Diplomas ou Qualificações:

As qualificações tradicionais cedem lugar às habilidades adaptáveis. Em 2024, 70% das decisões de contratação serão baseadas em habilidades como resolução de problemas, comunicação e trabalho em equipe. Plataformas de aprendizado online e programas de desenvolvimento de habilidades serão ferramentas essenciais para profissionais que desejam prosperar nesse novo cenário.

  • Previsão: 70% das decisões de contratação baseadas em habilidades até 2024.
  • Habilidades priorizadas: Adaptabilidade, resolução de problemas, comunicação, trabalho em equipe.
  • Recursos: Plataformas de aprendizado online, programas de desenvolvimento de habilidades.

Há indústrias que já trabalham assim há tempos. Uma empresa e TI de um amigo meu, há anos atrás não tinha um programador formado. E a piada dele era – e nenhum software que não fosse versão beta. As rígidas eliminam gente com muito potencial de sucesso pela exigência do diploma.

 

4. Experiência do Funcionário em Foco:

A experiência do funcionário (EX Employee Experience) se torna uma prioridade estratégica para as empresas. 80% das organizações implementarão estratégias EX dedicadas até 2024, investindo em cultura organizacional positiva, benefícios flexíveis e oportunidades de crescimento. Essa mudança visa aumentar o engajamento, a retenção de talentos e fortalecer a marca empregadora.

  • Previsão: 80% das organizações com estratégias EX dedicadas até 2024.
  • Elementos da EX: Cultura organizacional positiva, benefícios flexíveis, oportunidades de crescimento.
  • Benefícios: Aumento do engajamento, retenção de talentos, employer branding.

Essa definitivamente é pendência. As demissões em massa nos Estados Unidos em 2021 na “Great Resignation” aconteceram nas marcas sem qualidade de EX. E elas ainda estão tontas tentando entender como se faz isso. Sem convicção e interesse genuíno em pessoas não vai acontecer apesar dos discursos dos CEO´s estarem cada vez mais fortes nessa direção. Por enquanto muito discurso.

 

5. Resolução eficaz de Conflitos: Construindo Pontes:

Com a crescente diversidade e equipes distribuídas, a resolução eficaz de conflitos se torna crucial. O Gartner prevê que 60% das organizações oferecerão treinamento de resolução de conflitos para seus funcionários até 2024, promovendo a comunicação clara, a empatia e o gerenciamento de diferenças.

  • Previsão: Treinamento de resolução de conflitos para 60% dos funcionários até 2024.
  • Importância: Comunicação clara, empatia, gerenciamento de diferenças.
  • Recursos: Mediação, treinamento em comunicação não violenta, programas de resolução de conflitos.

Na Ponto de Referência falamos da importância deste tema há quase 30 anos. Eu, há quase 70. É pendência sim.

 

6. Trabalho Híbrido: A Nova Normalidade:

O trabalho híbrido, combinando trabalho remoto e presencial, se consolida como a norma, com 75% dos funcionários trabalhando nesse modelo até 2024. Essa flexibilidade permite que os profissionais conciliem melhor sua vida pessoal e profissional, enquanto as empresas se beneficiam de uma força de trabalho mais ampla e diversa. No entanto, desafios como o equilíbrio entre vida pessoal e profissional e a gestão de equipes remotas precisam ser superados.

  • Previsão: 75% dos funcionários trabalhando em modelos híbridos até 2024.
  • Modelos híbridos: Combinação de trabalho remoto e presencial em diferentes proporções.
  • Desafios: Equilíbrio entre vida pessoal e profissional, comunicação eficaz, gestão de equipes remotas.

Cada marca vai encontrar o seu equilíbrio depois que o pêndulo oscilar entre todo remoto e todo presencial. Experimentar é fundamental. E dar liberdade e responsabilidade a cada Líder vai ajudar muito.

 

7. Saúde Mental e Bem-Estar dos Funcionários: Um Pilar Essencial:

O bem-estar mental dos funcionários ganha o reconhecimento merecido. 70% das empresas oferecerão programas de bem-estar mental até 2024, incluindo apoio psicológico, programas de mindfulness e gestão do estresse. Essa iniciativa visa reduzir o absenteísmo, aumentar a produtividade e criar um ambiente de trabalho mais saudável.

  • Previsão: 70% das organizações oferecendo programas de bem-estar mental até 2024.
  • Programas de bem-estar: Apoio psicológico, programas de mindfulness, gestão do estresse.
  • Benefícios: Redução do absenteísmo, aumento da produtividade, melhora na saúde mental dos colaboradores.

Já falei lá no começo sobre a importância do Líder nessa tendência. Não vou repetir embora esteja com muita vontade.

 

8. Cultura Organizacional Forte – A Base do Sucesso:

Uma cultura organizacional forte se torna um diferencial competitivo. 80% das empresas definirão suas estratégias de cultura organizacional até 2024, priorizando valores compartilhados, comunicação transparente e feedback construtivo. Essa base sólida atrai e retém talentos, impulsiona o engajamento e contribui para o sucesso organizacional.

  • Previsão: 80% das organizações com estratégias de cultura organizacional definidas até 2024.
  • Elementos da cultura: Valores compartilhados, comunicação transparente, feedback construtivo.
  • Impacto: Atração e retenção de talentos, engajamento dos funcionários, desempenho organizacional.

De novo a Ponto de Referência ajuda marcas a sedimentarem cultura há 30 anos. De gente, o que os Líderes têm que fazer, de relacionamento para orientar o que se espera da relação entre os pares e de atendimento para garantir que esteja claro o que se espera de todos na relação com o Cliente.

 

Além do que o Gartner afirmou outras tendências já estão acontecendo e tendem a permanecer vivas em 2024.

 

9. A força da economia gig e freelancer:

Cada vez mais pessoas estão optando por trabalhar como freelancers, e essa tendência vai continuar em 2024. Isso significa que você terá acesso a um grande pool de talentos para encontrar os melhores profissionais para o seu negócio.

A economia gig, por sua vez é caracterizada por trabalhos temporários e de curto prazo, está crescendo rapidamente. Em 2024, essa tendência vai continuar, e as empresas que se adaptarem a essa nova realidade serão as mais bem-sucedidas.

O que fazer:

  • Considere contratar freelancers e para projetos específicos e gig para trabalhos pontuais específicos
  • Crie uma plataforma online para encontrar freelancers e gig qualificados.
  • Ofereça aos freelancers e gig o máximo de benefícios e oportunidades de desenvolvimento profissional que conseguir.

Esta tendência ajuda muito no recrutamento com uma convivência anterior à decisão de incorporar alguém ao quadro da empresa.

 

10. A necessidade de habilidades digitais:

Em um mundo cada vez mais digitalizado, as habilidades digitais são essenciais para o sucesso no mercado de trabalho. Em 2024, as empresas que investem no desenvolvimento de habilidades digitais de seus funcionários serão as mais competitivas.

O que fazer:

  • Ofereça treinamento aos seus funcionários sobre as principais habilidades digitais.
  • Crie um programa de desenvolvimento profissional que inclua treinamento em habilidades digitais.
  • Contrate profissionais com habilidades digitais relevantes para o seu negócio.

Mentalidade digital vai dar chance aos funcionários mais operacionais de um degrau de evolução para cargos estratégicos iniciais.

 

11. A importância da sustentabilidade:

A sustentabilidade é uma questão cada vez mais importante para os consumidores e para os funcionários. Em 2024, as empresas que demonstram um compromisso com a sustentabilidade serão as mais atraentes para os stakeholders.

O que fazer:

  • Adote práticas sustentáveis em sua empresa.
  • Comunique seu compromisso com a sustentabilidade aos seus stakeholders.
  • Ofereça aos seus funcionários oportunidades de se envolverem em iniciativas de sustentabilidade.

A sustentabilidade mais realista e possível de se tornar verdade é o respeito que se deve ter com o pessoal da ponta. Aqueles que estão na execução das tarefas e próximos ao Cliente. Eles merecem – e nem sempre recebem – muito respeito de direito de falar em nome da evolução que percebem ser possível por conhecerem muito o que fazem e o Cliente.

 

12. A necessidade de lifelong learning:

O mercado de trabalho está em constante mudança, e os trabalhadores precisam estar sempre aprendendo para se manterem competitivos. Em 2024, as empresas que investem no aprendizado contínuo de seus funcionários serão as mais bem-sucedidas.

O que fazer:

  • Crie uma cultura de aprendizado em sua empresa.
  • Ofereça oportunidades de desenvolvimento profissional aos seus funcionários.
  • Incentive seus funcionários a aprenderem novas habilidades por conta própria.

O diploma não é fundamental. Mas aprender continuamente é. As fontes de desenvolvimento estão disponíveis – de graça – em todos os meios. É só ter curiosidade e se arriscar. Fora isso, a outra fonte, mais competente até, é o colega que sabe aquilo que eu não sei. Quando eu souber devolvo o que aprendi com ele.

 

  1. Foco permanente do Cliente:

Quem provoca as mudanças do mundo é o Cliente. Acompanhar de perto as mudanças provocadas por cada um deles mantém o profissional conectado com o que tem que ser melhorado ou inovado.

O que fazer:

  • Esta não é para a marca. É para cada pessoa do Time.
  • Em qualquer lugar que trabalhar – vá ao campo. Campo é qualquer lugar onde você pode se conectar com o Cliente. Pergunte do que ele gosta, do que ele não gosta e o que faria em qualquer situação.
  • Você não precisa viajar para isso. O call center, a loja próxima, o importante é a frequência de visita. E a profundidade da pesquisa que se consegue com humildade ao perguntar e interesse genuíno de ouvir.
  • Traga as demandas e sugestões do Cliente para dentro da empresa, busque as causas raízes dos problemas, converse com quem pode resolver. Quando a sugestão for de inovação forme grupo “ágeis” para construir o novo.

Tudo que eu conquistei nas empresas que trabalhei começou com o entendimento do comportamento do Cliente. B2C ou B2B. Isso cria uma autoridade para o que você faz e fala que ninguém contesta e muita gente admira. Principalmente as equipes que estão perto do Cliente, que muitas vezes sabem o que ele quer mas não são ouvidas. Fazendo isso você se torna porta-voz do Cliente e das equipes da ponta. Os heróis da ponta. E você meio que se torna o herói deles.

 

Teste de avaliação das tendências do trabalho em 2024:

Instruções:

  1. Leia cada pergunta com atenção.
  2. Responda a cada pergunta com base na descrição do artigo “TENDÊNCIAS E PENDÊNCIAS DO TRABALHO EM 2024”.
  3. Utilize a escala de 1 a 5 para avaliar a sua empresa em cada tendência:
  • 1 – Péssimo: A empresa não demonstra nenhuma prática relacionada à tendência.
  • 2 – Ruim: A empresa demonstra algumas práticas incipientes relacionadas à tendência, mas ainda há muito a ser feito.
  • 3 – Médio: A empresa demonstra práticas consistentes relacionadas à tendência, mas ainda há espaço para melhorias.
  • 4 – Bom: A empresa demonstra práticas avançadas relacionadas à tendência, com resultados positivos.
  • 5 – Muito bom: A empresa é referência em práticas relacionadas à tendência, com resultados excepcionais e impacto significativo.

 

Responda as perguntas abaixo:

  1. Qual a qualidade da liderança na sua empresa?
  2. A empresa oferece semana de trabalho de 4 dias?
  3. A empresa utiliza IA para automatizar tarefas repetitivas?
  4. A empresa prioriza habilidades adaptáveis em vez de diplomas?
  5. A empresa possui uma estratégia dedicada à experiência do funcionário (EX)?
  6. A empresa oferece treinamento de resolução de conflitos para seus funcionários?
  7. A empresa adota o modelo de trabalho híbrido?
  8. A empresa oferece programas de bem-estar mental para seus funcionários?
  9. A empresa possui uma cultura organizacional forte e bem definida?
  10. A empresa se preocupa com a sustentabilidade e demonstra práticas nesse sentido?
  11. A empresa incentiva o aprendizado contínuo e oferece oportunidades de desenvolvimento profissional?
  12. A empresa possui uma cultura focada no cliente?
  13. A empresa incentiva seus funcionários a se conectarem com o cliente e a trazerem suas demandas e sugestões para dentro da empresa?
  14. A empresa reconhece e valoriza seus funcionários como heróis da ponta?
  15. A empresa se adapta às mudanças do mercado e investe em novas tecnologias?
  16. A empresa possui uma comunicação transparente e feedback construtivo?
  17. A empresa oferece oportunidades de crescimento e desenvolvimento para seus funcionários?
  18. A empresa investe na saúde mental e no bem-estar de seus funcionários?
  19. A empresa promove a diversidade e a inclusão no ambiente de trabalho?
  20. A empresa possui um ambiente de trabalho seguro e saudável?

Após responder todas as perguntas, calcule a média das suas respostas para obter uma avaliação geral da sua empresa em relação às tendências do trabalho em 2024.

 

Observações:

  • Este teste é apenas um guia para ajudar você a avaliar sua empresa em relação às tendências do trabalho em 2024.
  • A avaliação final dependerá da sua análise e percepção da realidade da sua empresa.
  • É importante considerar o contexto específico da sua empresa e do seu setor ao responder às perguntas.

 

Recomendações:

  • Discuta os resultados do teste com seus colegas de trabalho e com o seu gestor.
  • Utilize o teste como ponto de partida para identificar oportunidades de melhoria na sua empresa.
  • Busque informações adicionais sobre as tendências do trabalho em 2024 para se manter atualizado.
Pesquisar

Guias

Banner fixo

Pense bem
antes de entrar

sua vida vai se transformar
depois que você conhecer
a gente!

Não se vá ainda!

Inscreva-se e fique por dentro de tudo que pesquisamos e aprendemos. Compartilhar com você será uma honra.

× Como Posso Te Ajudar?